Fenômeno

fenomenoNão, o filme não é uma biografia do Ronaldo, mas sim um filme mediano estrelado por John Travolta, que assistimos ontem numa sessão dupla (em casa) em homenagem a este ator, dançarino, piloto de aviões e cientologista nas horas vagas. Este filme me marcou, de certa forma, pois foi o primeiro filme que vi no pay-per-view da falecida DirecTV, provavelmente em 1997 ou 1998. Lembro que ficamos maravilhados com a possibilidade de alugar filmes sem sair de casa, e logo declaramos que o fim das videolocadoras estava muito próximo.

Bom, as locadoras estão moribundas há anos, mas não por causa do pay-per-view, e sim da pirataria. Pirataria esta que, admito, foi a responsável pela nossa sessão de ontem (valeu, torrent).

Fenômeno é a história de George Malley, um mecânico humilde de uma pequena cidade interiorana, sem grandes aspirações na vida além da conquista amorosa de uma mulher, mãe de duas crianças, que vende cadeiras rústicas. Na comemoração de seu aniversário, ele é atingido por uma luz que vem do espaço e, a partir de então, passa a raciocinar com uma velocidade incrível, aumentando sua capacidade de aprender coisas novas até que desenvolva seus próprios experimentos e invenções.

Além disso, Malley desenvolve uma espécie de telecinese, conseguindo movimentar pequenos objetos sem tocá-los, e até prever um abalo sísmico sem a utilização de nenhum instrumento.

O filme ganha tons de drama quando a condição de George deixa de ser alvo de curiosidade e interesse das pessoas para se tornar motivo de medo e segregação, e a capacidade mental acaba colocando-o em conflito com o governo por este considerá-lo uma ameaça à segurança nacional por sua habilidade de descriptografar códigos.

Com um final muito triste, Fenômeno acaba sendo uma grata surpresa por não dar espaço para teorias sobrenaturais em momento algum. Algumas pessoas manifestam suas opiniões, como um imigrante ao fazer o sinal da cruz presenciando um caso de telecinese, ou um outro morador da cidade, ao acusá-lo de ser um experimento de alienígenas, mas o filme é competente ao não enveredar por esse caminho.

A trilha sonora canastrona é algo a lamentar, mas todo o resto do filme é, no mínimo, correto.

(IMDb)

Anúncios

Marcado:, , , , , , , , , , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: