Matrix

Assisti com a Sarah a trilogia de Matrix há uns meses, e espero que consiga comentar sobre os três filmes ainda hoje. O sucesso deste filme na época de seu lançamento foi algo que se aproximou do chato. Todo mundo só falava disso, coreografava os desvios das balas em câmera lenta e ficava perguntando ao coleguinha “E AÍ CÊ CURTIU?”, para perguntar em seguida “E TU ENTENDEU?!?”. Bem coisa de criança besta, mesmo. Eu estava na sétima série, imagino que, se um filme é tão dificil assim de entender, não é uma criança de 13 anos que vai fazê-lo com tanta facilidade.

Fato é que Matrix nunca foi um filme difícil de entender. Na verdade, acho ele até bem mastigadinho, se for comparar com o Reloaded (esse, sim, precisa de um grau maior de abstração). Duvido que alguém desconheça a história, não sou eu quem vai contá-la aqui, então larga de ser vagabundo e vai ver o filme.

Revendo o filme 12 anos depois, ele continua impressionando. A história segue sendo relevante e os efeitos especiais ainda convencem, mas é uma pena que os realizadores tenham achado, de verdade, que Keanu Reeves seria uma boa opção como ator.

Más escolhas à parte, é inegável que Matrix tem seu lugar garantido na história da ficção científica no cinema.

(IMDb)

Anúncios

Marcado:, , , , , , , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: