Extermínio

Quando comecei este blog, minha intenção era não deixar passar muito tempo entre ver o filme e postar meus comentários aqui. Acontece que minha empolgação em escrever no blog não acompanha a minha empolgação de ver filmes, ainda mais no final das minhas férias, em janeiro (há mais de um mês, portanto) em que assistia até três filmes por dia. Escreverei alguns posts mais resumidos que talvez não expressem minha admiração ou a minha frustração com a mesma intensidade que houve no dia em que assisti, mas vale o registro.

Extermínio é mais um desses filmes apocalípticos que não deixam a desejar. A história é verossímil, fator importantíssimo pra atrair minha atenção. Por verossímil quero dizer que tentam dar uma explicação científica pra coisa toda, e não aquelas besteiras de religião, maldição, demônio, alienígenas etc.

É sempre bom avaliar as boas intenções de um diretor que fala um “foda-se” para os executivos e bota um nu frontal do protagonista logo no início do filme pra não restar dúvidas que o que está por vir é “rated R”, mesmo economizando em palavrões e sexo.

O filme é muito bem conduzido, mas o elenco não é grande coisa, com exceção do Cillian Murphy, que se destaca como de costume. O que mais me chamou a atenção foram as cenas no centro de Londres sem nenhuma alma viva além do protagonista, percorrendo durante vários minutos aquelas ruas só para se dar conta de que estava, de fato, acordado e sozinho.

Como falei, meu comentário não faz jus ao que senti ao ver o filme, a memória já ficou prejudicada, mas foi um filme muito prazeroso de assistir e que merecia um post mais bem feito.

Anúncios

Marcado:, , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: